Melhores Séries Apple TV para Maratonar Em Casa!

Quais são as melhores séries Apple TV?

Anúncios

Essa questão sem dúvida desperta a curiosidade, dada a ampla variedade de produções disponíveis na coleção da Apple, abrangendo uma diversidade de gêneros envolventes.

Ao contrário da Netflix, que ergueu um império ao atender aos desejos dos espectadores, ou do Disney+, onde as expectativas são alinhadas com um conteúdo previsível, o Apple TV+ ainda é um participante relativamente novo nesse cenário.

Com um catálogo não saturado de séries populares do passado, o foco recai exclusivamente sobre títulos originais. Consequentemente, pode ser um desafio identificar suas opções de visualização. E é nesse ponto que entra a seleção do Mix de Séries.

Neste guia, destacamos as séries mais notáveis do Apple TV+ que merecem a sua atenção na coleção de títulos!

A Apple TV

Entre todas as gigantes do streaming atualmente, o Apple TV+ é sem dúvida a mais desafiadora de se definir.

Anúncios

Afinal, a Netflix ergueu um império ao satisfazer os desejos dos espectadores; o Disney+, por sua vez, oferece previsibilidade em relação ao seu conteúdo; enquanto plataformas ainda mais abrangentes, como Hulu e Prime Video, conseguiram conquistar seu espaço com sucessos internos.

No entanto, o Apple TV+ ainda é um recém-chegado no mercado e, sem um vasto catálogo de clássicos antigos para respaldar sua oferta, você pode se ver diante de uma série de títulos originais, sem uma ideia clara do que escolher para assistir.

1. A Serpente Essex (2022)

O conteúdo oferecido pelo Apple TV+ é de um calibre que não deve ser subestimado ou negligenciado. Seus títulos mais recentes demonstram claramente o valor da assinatura.

Um exemplo notável é a série “A Serpente Essex”. Este drama gótico de atmosfera envolvente traz atores dinamarqueses (uma escolha ideal para esse tipo de produção de época), sendo liderado por Claire Danes no papel de Cora, uma mulher recentemente viúva.

A trama se desenrola quando Cora decide deixar sua residência em Londres para se estabelecer na zona rural de Essex. Lá, circulam rumores sobre uma serpente mitológica que supostamente habita a vila, adicionando um toque de mistério à narrativa.

2. Iluminadas (2022)

Formatada como minissérie, “Iluminadas” (Shining Girls) é um verdadeiro prazer para os amantes de thrillers psicológicos e dramas profundamente imersivos. Com Elisabeth Moss liderando o elenco, a série mergulha os espectadores em uma trama intrigante.

A história segue uma mulher que exerce a função de arquivista em um jornal durante os anos 1990. Sua vida toma um rumo inesperado quando ela se depara com um caso de assassinato que a cativa de imediato.

O que torna o caso tão fascinante? A vítima apresenta semelhanças alarmantes com a protagonista, que passou por um ataque anos antes e sobreviveu. Impelida por um desejo ardente, a protagonista assume a missão de rastrear o assassino.

Nesse percurso, ela une forças com Dan, um jornalista interpretado por Wagner Moura. Contudo, sua busca toma um rumo arrepiante quando ela descobre que o suposto assassino pode ter cometido crimes ao longo de décadas, sem demonstrar qualquer sinal de envelhecimento.

3. Ruptura (2022 – presente)

“Ruptura” é um daqueles tipos de séries que não começam de maneira simples e não terminam de forma previsível.

No entanto, no decorrer dessa jornada, há um elemento que inevitavelmente prende a atenção do público, fazendo com que eles voltem episódio após episódio.

Sob a liderança de Adam Scott, a série explora uma empresa singular, onde é realizada uma cirurgia voluntária, permitindo que os funcionários apaguem as memórias relacionadas ao trabalho ao saírem do edifício, e vice-versa.

No entanto, à medida que suas personas no ambiente de trabalho começam a resistir a esse procedimento, surge uma sensação de desconforto.

Cabe a eles desvendar esse mistério, pois algo claramente não está certo, levando-os a questionar a natureza do que estão vivenciando e as implicações mais profundas desse processo.

4. Ted Lasso (2020 – presente)

Essa série de comédia de trinta minutos não apenas se destaca como um dos programas mais agradáveis e esperançosos na paisagem televisiva, mas também figura entre os melhores da atualidade.

Jason Sudeikis assume o papel principal como Ted Lasso, um treinador de futebol universitário perpetuamente otimista. O enredo ganha vida quando ele é recrutado para orientar uma equipe na prestigiada Premier League inglesa.

Apesar da ausência de experiência no mundo do futebol, revela-se que sua contratação foi engendrada com a intenção de levar o time ao fracasso, como parte de um plano de vingança concebido pelo proprietário da equipe.

No entanto, a abordagem de Lasso começa a exercer um impacto surpreendente, conquistando até mesmo os corações mais resistentes dos britânicos.

Esta série tem o poder de aquecer o coração e proporcionar uma sensação de aconchego, mesmo nos momentos mais desafiadores.

5. For All Mankind (2019 – presente)

Com três temporadas já lançadas e em contagem, “For All Mankind” marcou um dos primeiros passos da Apple TV+ no universo das séries. E o que ela alcançou foi revelar o propósito subjacente à existência do Apple TV+.

A trama de “For All Mankind” se inicia com uma premissa simples e facilmente compreensível: e se a Rússia tivesse superado os Estados Unidos na corrida à lua em 1969? No entanto, a partir desse ponto, as complexidades se desdobram, à medida que essa narrativa alternativa desencadeia uma transformação monumental nos Estados Unidos.

Ao invés de uma retração na exploração espacial, emerge um compromisso duradouro com as viagens pelo cosmos, planejado para abranger décadas.

A realidade criada pelo visionário Ronald D. Moore, contudo, não se revela necessariamente utópica. Dentro desse contexto, conflitos emergem entre as autoridades militares e civis no programa espacial, enquanto os russos pressionam os Estados Unidos, acirrando a competição.

Contudo, os efeitos dessa significativa mudança na sociedade não se restringem à presença humana na lua, abrangendo um cenário vasto e complexo que transcende as fronteiras entre os gêneros masculino e feminino, habitando ou não o solo lunar.

Conclusão

A Apple TV se destaca por suas séries de alta qualidade que cativam e intrigam os espectadores.

Essas histórias cuidadosamente elaboradas, apresentadas por meio da tela, têm o poder de nos transportar para mundos distintos, suscitando uma variedade de emoções e reflexões.

A diversidade de gêneros e temas disponíveis na plataforma atende aos mais diversos gostos, desde dramas intensos e tramas intricadas a comédias e histórias fascinantes.

Portanto, à medida que a era do streaming continua a evoluir, as séries da Apple TV certamente ocupam um lugar proeminente no cenário contemporâneo, enriquecendo nossas horas de lazer e nos conectando a narrativas que ecoam através do tempo.